kryon blog * Aprender com a Nova Energia

Querido Ser Humano,… tu és a Esperança do Planeta Terra!

O Poder de Dar que Vem da Essência do Seu Coração

Posted by oliveiros.kr em 1, Março, 2009

Kryon está a ser canalizado em vários idiomas por diferentes porta-vozes em todo o mundo.

Mario Liani canaliza Kryon na língua espanhola, utilizando a denominação “Grupo de Kryon” para canalizar a energia amorosa de Kryon, que não representa uma entidade isolada, mas um grupo de consciências superiores de ascendência angelical, trabalhando sem individualidades e com uma sincronia absoluta.

O Poder de Dar que Vem da Essência do Seu Coração

Canalizado ao vivo em 29-11-2008
(Caracas, Venezuela)

O GRUPO DE KRYON – CANALIZADO POR MARIO LIANI

É conveniente destacar que o texto que segue não é uma transcrição exata e literal da canalização ao vivo, posto que as palavras canalizadas verbalmente possuem uma qualidade energética que não necessariamente pode chegar a ser materializada quando são transcritas. Por causa disto, Mario Liani voltou a canalizar Kryon para fazer os ajustes necessários para que o texto mantivesse a coerência necessária e a mensagem pudesse ser absorvida integralmente pelo leitor, que não esteve presente no evento ao vivo.

A Voz de Kryon…

Mario Liani canalizando Kryon - Caracas, 29-11-2008Queridos todos!

Eu Sou Kryon, em Serviço Magnético para toda a Humanidade.

Nesta noite, vocês deram um concerto maravilhoso de corações a si mesmos… tal como um lindo concerto de almas, tocando uma só melodia: a do Amor Infinito que envolve qualquer ser com o propósito superior que a sua alma deseja expressar, diante de qualquer circunstância em que possa ser necessário.

Que assim seja!

Sejam todos bem-vindos, sejam todas bem-vindas a esse lugar que já não é mais físico. Esse lugar não está em nenhum tempo ou espaço. Essa experiência está ocorrendo agora, nos seus corações, não só no seu órgão físico… mas também no centro energético e magnético dos seus corações.

Vocês já escutaram essa maravilhosa visualização que os nossos porta-vozes prepararam com muito amor para propiciar um lindo clima emocional para esta noite (Kryon se refere à meditação gravada que antecedeu o início da canalização).

Quantos anjos cabem na cabeça de um alfinete? Infinitos! Quantos corações cabem em um espaço físico? Não podemos contabilizar… porque na verdade todos esses corações que agora estão batendo em uníssono, batem em uma só melodia, aquela que vocês desejam escutar nessa noite… que também é a mesma que vocês estão cantando!

Concerto de Corações

Paradoxal, não é mesmo, querido humano? É incrível… você veio para escutar uma melodia que agora está cantando. “Como pode ser assim, Kryon? Explica-nos, porque não entendemos”. Humano, está querendo receber uma resposta… e você já tem a resposta. Essa canção que vocês desejam ouvir está sendo cantada nos diferentes espaços multidimensionais do seu Ser, onde todos – em uníssono – receberam o convite de vir e ajudá-lo, aqui, nesta noite.

É assim mesmo: nesta noite, você está sendo apoiado não só pelos outros humanos que estão ao seu lado, porque eles – da mesma forma como você – vieram para buscar apoio. E o que acontece quando um humano se une a outro humano e ambos buscam apoio? Pois, indubitavelmente, vocês estão se apoiando mutuamente.

No concerto de corações que se abriu em uníssono nesta noite, está-se conseguindo o maior dos apoios que você poderia receber em um momento tão especial como esse. Duvidamos muito que você consiga receber tal quantidade de energia curadora sobre o seu ser emocional… em outros momentos que não sejam como o de agora.

Há tanta energia nesse lugar, humano, onde você veio a convite de si mesmo… esperando escutar uma mensagem alentadora e esperançosa, que o retire da sua melancolia e desesperança e que o permita ter a paz espiritual necessária para compreender… que você, na verdade, não está sozinho.

Você nunca está sozinho, querido ser humano, nunca. Nós sempre estamos consigo. Talvez se pergunte: “Quantos?”. Todos! Toda a Família Espiritual! Sem exceção alguma, todos estão consigo agora. Não um, nem dois ou três… Não só aquele que faleceu, nem aquela que partiu. Todos! Porque todos – vocês e nós – fazemos parte daquilo que chamamos “A Grande Família Espiritual”… também integrada por vocês, humanos disfarçados de carne, sendo, na verdade, anjos em busca de uma experiência que possa contribuir para recriar o holograma divino.

Construindo o Holograma

O holograma do qual o nosso porta-voz está falando é a malha eletromagnética, é o campo magnético que os circunda, cheio de intersecções e encontros com energias de diferentes níveis… que quando são ativadas, propiciam novos cenários e criam novos hologramas.

O que é um holograma? Um holograma é simplesmente a experiência que você está observando, a experiência na qual você está participando. Você, imerso na sua experiência e nas dos outros. Esse é o holograma do qual estamos nos referindo e esse holograma está na malha eletromagnética da qual você faz parte de forma indissolúvel. Quantos hologramas ou quantas experiências existem? Quantas encruzilhadas de fios, que vibram em uníssono, ocorrem simultaneamente? Não vamos dizer, porque você nunca compreenderia. Tampouco podemos contabilizar, porque ocorrem a cada instante, em cada momento, mudando dinamicamente, de acordo com as suas decisões de ir para a direita ou para a esquerda. E cada vez que essas encruzilhadas ou intersecções mudam, todo o panorama ao seu redor também muda.

Fechou as portas? Então abra outras. E essas outras portas têm um cenário diferente reservado para você. Cenários bons ou ruins? Não há tal qualificação. São apenas diferentes cenários ou potenciais para outras oportunidades. São simplesmente janelas ou portas que precisam ser abertas ou fechadas.

Você está aqui hoje apenas porque decidiu abrir uma porta. Talvez você pensou: “O que me espera atrás dessa porta? Oh, Querido Kryon! Oh, Querido Deus! Oh, Querido EU Superior!” – talvez se pergunte – “O que eu posso esperar dessa experiência? Os meus anseios e expectativas se cumprirão? Atrever-me-ei tão-somente a idealizá-las e pensá-las, ou devo expressá-las? Ou devo guardá-las dentro de mim e aguardar o instante em que a compreensão daquilo que eu penso receber… chegue-me de forma completa, clara e nítida?”.

Aqui está o grande paradigma de um ser humano. Você, humano, pensa, aspira e deseja coisas… mas a maioria das vezes obtém o contrário daquilo que você desejou originalmente. Por que isso ocorre? Por causa de uma infinidade de fatores que desempenham um grande papel no contexto do que já falamos: o enredado interdimensional.

Quando você decide ir em um determinado sentido, as conexões começam a se ativar. Mas, no mesmo instante em que vacila e duvida daquilo que deseja… imediatamente essas conexões se dissipam e outras são abertas.

A dinâmica daquilo que você poderia esperar e conseqüentemente, daquilo que você poderia gerar… é muito mutante, porque é dinâmica – meu querido humano – é gerada com os seus pensamentos, seus desejos e suas visualizações. Que tão forte, que tão intensa é a sua visualização? Que tão poderoso é o seu desejo? Aquilo que você deseja… deseja intensamente como você acredita que acontecerá? Ou duvida daquilo que você considera como a fraqueza ou a pequenez do seu ser? Duvida do seu real potencial? É sobre esse tema – meu querido – que nós desejamos chamar a sua atenção nessa noite.

Essa chamada de atenção que será feita tem muito a ver com a forma como você manifesta a sua energia emocional, com a forma como você abre o seu coração. Você sabe por que estamos dizendo isso? Porque para você, abrir o coração significa revelar os seus sentimentos, mostrar o que você sente e compartilhar com outras pessoas…

Eu pergunto a você: realmente é capaz de fazer isso… se em primeiro lugar, você não expressa a si mesmo a beleza que possui, a inteligência com a qual está dotado, a coragem que tem para agir, a forma como toma as suas decisões e a forma como empreende a sua vida, todos os dias? Você é capaz de celebrar a si mesmo? Você é capaz de encher o seu coração de alegria enquanto repete que se ama, valoriza e respeita?

O Poder de Dar que Vem da Essência do Seu Coração

Se você é capaz de fazer tudo o que eu disse anteriormente… é absolutamente capaz de expandir essa energia, porque quando fizer e multiplicar essa energia, ocorrerá em você aquilo que escutou durante a visualização que precedeu essa mensagem: o milagre da transformação!

A transformação da qual nós falamos… é, na verdade, o instante em que reconhece que você, meu querido ser, é completo e possui absolutamente tudo… Tem tanto, mas tanto… que ao não precisar de mais nada, simplesmente possui a capacidade e poder inato de Dar.

Você pensou quantos – entre aqueles que o rodeiam diariamente – estão precisando que você lhes diga, demonstre ou faça-os sentir que são ternamente amados, que são amorosamente abençoados e respeitados… e principalmente, que são emocionalmente reconhecidos por você?

Você pensou que, com o seu simples desejo e intenção, com uma simples palavra, com apenas um só gesto, carícia ou abraço… poderia ter a opção de transformar totalmente a sua convivência com esta ou aquela pessoa? Por que você acredita que veio nesta noite para esse encontro, meu querido? Porque veio para ganhar um lembrete!

O lembrete é para que observem esse órgão lindo que, no plano físico, é chamado de coração e no energético, é o centro do chacra do plexo solar. O lugar de onde emana a mais poderosa força transformadora possível é o centro que governa totalmente as suas vidas, muito além da conexão que vocês poderiam ter com a sua Mãe Terra e muito além da conexão que vocês pensam que têm ou poderiam ter com o Espírito.

A ponte ou enlace entre essas duas dimensões (entre a Mãe Terra e o Espírito) é o centro energético do coração.

Expansão e Contração

Humanos: não podem se conectar entre vocês se o centro não estiver aberto… se vocês não o expandirem. Por que falamos de expansão? Porque a vida – meus queridos – se manifesta através de um processo de expansão e contração, de energias que vão em um sentido e energias que retornam em sentido contrário.

A energia sempre está circulando e sempre retornará para você depois de tê-la colocado em circulação. Quando você entrega esse maravilhoso amor que tem guardado dentro de si, tudo tende a fluir ao seu redor. Quando você retém esse amor e resiste a expressá-lo – da maneira que for – por causa da crença que isso o projetará como um ser humano vulnerável, à mercê do que os outros “supostamente” possam se aproveitar de você… nada parecerá fluir ao seu redor. Você sabe disso. Já experimentou, não é mesmo?

De que amor estamos falando aqui, meus queridos? Não estamos falando só do amor entre casais em que duas pessoas poderiam sentir e expressar que se amam, compartilhando juntos as suas vidas – sem importar o sexo que tenham. Simplesmente, estamos falando do amor que você precisa para se conectar com todas as vivências da sua vida, dia após dia.

Muitos de vocês se lamentam por não serem capazes de manifestar prosperidade, que as suas economias estão escassas, que por mais que tentem arduamente, não sabem explicar porque não conseguem materializar o que desejam…

Quanto Amor coloca em Sua Vida?

Mario Liani canalizando Kryon - Caracas, 29-11-2008Agora, eu pergunto a você, querido ser humano: quanto amor coloca naquilo que faz para ganhar a vida? Com quanta energia e sensibilidade manipula o objeto dos seus desejos no nível material? Com quanto amor realiza a sua atividade comercial ou profissional? Com quanto amor você trata aquelas pessoas que pactuam ou negociam consigo? Além de colocar dinheiro nas mãos deles ou de dar um apertão de mãos, o que você entrega?

Talvez deveria refletir acerca do que pode estar faltando na aplicação da fórmula que você usa para aumentar a sua prosperidade…

O conceito de abundância vem do próprio significado da palavra: tenho muito, mas muito… que posso compartilhar com você porque está sobrando para mim… Ao ser abundante em amor e desejar inundar literalmente outras pessoas com essa energia sensível, você poderá perceber que a sua alegria não só dependerá apenas do fato de que possui algo tangível, mas que a materialização daquilo que você originalmente deseja… na verdade terá sido obtido como conseqüência da expansão do seu Ser, essa parte que você desejou compartilhar com outros… aquilo que mais lhe sobrava.

E como você sabe, assim como a energia se contrai e se expande, assim como a energia vai e vem… aquilo que você entregou, receberá de forma multiplicada… mas não da mesma forma (calculando receber tantas vezes como você entregou a outras pessoas). Não, meu querido humano! Não precisa contabilizar tudo aquilo que você deu, porque você sabe que ainda que não receba nada em troca… nada lhe faria falta por já estar em plena abundância!

Quando você entrega com esse espírito – de que se deve dar sem restrições, porque lhe sobra para dar – o que recebe em troca? Receberá de forma correspondente! Aquele que recebeu de você provavelmente dirá: “Ah, também está sobrando muito para mim… Por que eu não tinha pensado antes? Por que não trocamos tudo aquilo que está sobrando para nós? Daquilo que não temos, não se preocupe. Vamos pensar mais naquilo que está sobrando para nós, porque aquilo que temos em abundância para dar, é aquilo que precisamos receber mutuamente um do outro.”

Amando o seu Ser Superior

O amor do qual estamos falando não é só o amor entre casais, aquele que pode existir nas suas relações interpessoais – do jeito como elas são. Agora falaremos, meu querido ser humano, de uma relação de amor muito mais intensa.

A relação que você tem com o seu Ser Superior, com o Ser Espiritual que você pensa que é…

Se você está aqui em busca de respostas, por que acredita que você veio aqui? Você veio para essa Reunião de Família porque sentiu que a relação com o seu Ser Superior – com o Ser Espiritual que você sabe que integra – precisava ser alimentada com Amor. Por acaso pensa que é o único ou a única… que sente vontade de estabelecer esse contato?

Eu, Kryon, observo-o: eu sei quem você é. Sei o seu nome, sei o que você pensa. Sei o que você faz. E eu ouço cada vez que você clama para esse Ser Espiritual atemporal a quem chama de Deus ou a esse Ser Superior que você endeusa… Clama por amor!

O que você diz a eles? Estou ouvindo você agora.

“Deus meu, abandonou-me! Por que me abandonou justamente neste momento? Deus meu, por que não está aqui, agora… quando mais preciso? Por que não tenho um sinal seu? Por que não me manda um recado? O que está acontecendo? Onde estão as sincronicidades usuais que não consigo ver agora?”.

Humano, por que acredita que isso acontece? Porque o seu Ser – que além de matéria humana também é composto pelo seu ser angelical – está precisando de Amor! E a quem você está pedindo? Ah! Está pedindo àquela parte de si que considera especial e superior, àquela parte de si que você endeusou.

Clama por ser reconhecido, por ser perdoado, por ser abençoado e por ser amado!

E agora eu pergunto, meu querido: por que não é o inverso? Por que você não se dirige a esse Ser Especial que você considera em tão alta estima e depois oferece tudo o que sempre quis receber, sem juízos e recriminações e sem pedir nada em troca? Assim é: a troca de nada, Ele sempre está ao seu lado, outorgando-lhe o seu grande Amor Incondicional.

Então, ao invés de lhe pedir algo, por que não dá o que possui? Poderia começar um diálogo com esse Ser Superior, com essa outra parte de si, talvez dizendo algo assim como a sugestão que segue:

“Oh, Meu querido Ser Superior! Oh, Grande Parte de Mim! Você, que planeja, administra e gerencia o grande concerto de tudo aquilo que somos na multidimensionalidade… Eu, da nossa porção humana, reconheço-o, abençôo-o e canalizo a você todo o meu amoroso agradecimento pelo fato de que estamos juntos nessa experiência, pelo fato de que estamos indissoluvelmente unidos, pelo fato de que eu sem você e você sem mim… nunca teríamos originado essa maravilhosa experiência.

Desculpe-me, oh, querido Ser Superior, se em minha dualidade humana não posso vê-lo e talvez até não o perceba! Muitos dizem que o sentem, percebem e podem até vê-lo… e eu, como o ser humano que agora sou, às vezes me sinto um pouco diminuído por não conseguir tudo isso. Talvez até me sinta um pouco louco por ter esse diálogo… Parece que estou falando comigo mesmo, mas eu sei que isso não está acontecendo. Ainda que eu diga que não seja possível, sei que estou falando consigo. E ainda que você não responda verbalmente, sei que você está me ouvindo. Oh, querido ser Superior, quero que me ouça. Não vim hoje até você para pedir. Eu desejo dar agora o que tenho e o que sou… Ao invés de pedir algo, estou dando todo o meu Amor Incondicional. Não preciso de nada em troca porque eu já tenho tudo… você me deu tudo… o que mais eu posso precisar, se tenho você?”

Ah, meu querido ser humano! Que diálogo! Que paradigma! Ao invés de pedir ao Espírito, você dá. Vê como é correto e apropriado? Agora a mensagem é de duas vias. Você precisa e pede… mas também possui e entrega. Agora sim há mais equilíbrio nessa relação… não porque poderia ser absolutamente necessário, mas porque é conveniente e adequado. E assim, ser humano, quando você aprende a dar, a aprendizagem se converte em um hábito e já não precisa mais aprender aquilo que já sabe fazer. Por conseguinte, já É e não precisa fingir Ser. É!

O Amor e a Religião

Quando falávamos do Espírito, também falávamos de religião… e o Amor tem muito a ver com a forma de praticar a religião.

Humanos, a relação do ser humano com as religiões, com a sua própria religião, deveria ser uma relação de Amor e já não mais um diálogo de recriminações ou solicitações de perdão. Ao longo de toda a sua grande trajetória, o ser humano teve diferentes formas de se relacionar com aquilo que chama de “religião”. Vocês, neste século 21… em plena mudança, em plena busca de novos paradigmas, em caminho para uma Nova Terra… também estão mudando a forma como se relacionam com Deus por meio das suas religiões. Se vocês têm diferentes formas de se aproximar daquilo que vocês chamam Deus, isso está mudando. Cada dia há mais de vocês que entenderam que a religião já não é mais uma relação com o externo – com a adoração, os cultos, as escolas, os templos, as normas e os mandamentos.

Agora, muitos de vocês entenderam que a relação do ser humano com a sua religião ou sua espiritualidade é realmente uma relação interna. A partir do século 21, os grandiosos e milenares templos reluzentes de ouro… começarão a desaparecer ou a perder o valor. Ao contrário, novos templos de contemplação começarão a ser erguidos dentro do Ser, não fora… E o Ser Humano entenderá que não é necessário nada externo para se conectar com “o espiritual”, porque o espiritual não está “fora”.

Quando você diz algo como: “Vou me conectar com o espiritual”, parece que está pensando em discar um número de telefone ou enviar uma mensagem de texto… Na verdade, tal conexão não se realiza como se tivesse um cabo para algo que está muito além do Espírito que vive em si mesmo. Você é Uno com o Todo. Se é assim, aquilo que você chama Deus é Tudo. Por conseguinte, você faz parte desse Todo. Você É TUDO. Você É DEUS. Em sendo assim, na vida real perderia tempo chamando a si mesmo?

Talvez – mais adiante – também a palavra “Deus” vá diluindo, sem pressa e sem angústia… e aquela palavra que hoje vocês usam para se conectar com algo que está “mais além”… seja substituída por uma palavra que fale de conseguir a conexão interna com a essência divina que vive dentro de vocês.

Permita-me dizer algo mais: estudem as religiões e os seus processos. Se vocês fizerem isso, perceberão que cada movimento religioso ou espiritual ao longo da sua época teve o “seu próprio profeta” como portador de uma determinada mensagem. Quando um profeta dava a sua mensagem, fazia-o depois de tê-la recebido na sua intimidade, geralmente dentro do contexto de uma visão que ocorria através de uma conexão personalizada. O mais importante a destacar é que, quando esse profeta dava a conhecer a sua mensagem, não surgiam “simultaneamente” outros profetas divulgando mensagens muito similares. Ele era o único profeta dando uma mensagem particular… até que surgisse outro profeta com uma mensagem completamente diferente da sua. Nesse momento, o Espírito usava uma cadeia de mensageiros que trabalhavam, cada um, com a sua própria visão.

Cento e Quarenta e Quatro Mil Profetas

Mario Liani canalizando Kryon - Caracas, 29-11-2008Observem o que está acontecendo agora, no século 21. Talvez alguns de vocês possam dizer: “É muito pequeno, é muito pouco ainda, não está ocorrendo tão massivamente como você diz, Kryon.”. Não, não é assim, pois… ainda que a semente da Nova Terra esteja apenas germinando, o que está ocorrendo? Hoje em dia vocês não têm somente um profeta dando uma mensagem de cada vez… Têm dez, cem, mil, dez mil, cento e quarenta e quatro mil profetas falando da mesma coisa! Sabem o que isso significa? Que provavelmente haja cento e quarenta e quatro mil corações conectados com a mesma energia, com o mesmo propósito, através de uma só mensagem.

Quando o Espírito entrega uma mensagem, já não o faz desde a individualidade do receptor, que já aporta a bandeira de único mensageiro: agora a mensagem é compartilhada por todos “os profetas”. Vejam vocês: há quantos porta-vozes de Kryon no mundo? Não há um só: há vários. Por que há vários mensageiros para uma mesma fonte de transmissão? Porque todos esses mensageiros habitam em diferentes lugares, a fim de que possam comunicar a mesma ou similar mensagem de diferentes formas. Entretanto, o fato de que esses porta-vozes vivam em diferentes lugares, falem diferentes linguagens e usem diferentes maneiras de se expressar, não significa que todos eles não possam estar conectados com a mesma energia que origina a mensagem… Essa energia é a de “Um Único Coração”. E esse “Único Coração” somos “Nós”. Não só nós. “Vocês e Nós”: NÓS.

O Espírito é Amor e, por conseguinte, o Espírito requer que esse amor seja manifestado. Apesar de o amor ser uma palavra que, para vocês, possa soar como conhecida, não deixem de utilizá-la e praticá-la mais freqüentemente. Não deixem SER – através da energia da expansão do seu próprio coração – aquilo que vocês gostariam de receber em reciprocidade das demais pessoas…

Nesse momento, sente-se uma grande expansão na sala, porque todos os corações que estão aqui batem em uníssono, conectados com a mensagem que está ressoando nesse momento – além das suas mentes – nos seus campos de percepção. Como lhes dizia o nosso porta-voz, todos esses corações estão batendo em uníssono porque aqui, nesta sala, há um só coração batendo para o grupo de almas que vocês representam… desejando expressar – com essa única batida – um paradigma de mudança no lugar geográfico onde vocês moram.

Esse paradigma de mudança que vocês aspiram… não há outra forma de alcançá-lo que não seja através da união dos propósitos… e a união dos propósitos, meus queridos, não é só humanamente conveniente ou estratégica. Para conseguir tal união com a consciência, é necessário unificar percepções para atuar com uma só mente, uma só alma e um só coração.

Massas que Concretizam Mudanças

Cada país possui uma alma. Apesar de cada um dos seus milhões de habitantes pensar de forma diferente – um outro nível que não seja possível entender nem lidar fisicamente – todos esses corações estão vinculados com um só propósito: adquirir aprendizagem de uma determinada experiência conjunta. Quando acontece a mudança na experiência? Quando esses corações se conectarem entre si e compreenderem qual é a experiência que precisam magnetizar e qual é a aprendizagem que devem alcançar como massa! E tal experiência e tal aprendizagem só podem ser obtidas com a unificação de objetivos.

Quando um país deseja uma mudança de paradigma e ela ocorre, é porque uma grande massa decretou assim, operando (tal massa) como o elemento crítico necessário para engatilhar a mudança.

Observem o que aconteceu no grande país do Norte. Houve uma mudança muito importante no governo dos destinos das almas desse país. E ocorreu algo muito singular que, talvez, vocês não tenham percebido com total propriedade. Ocorre que esse desejo de mudança – por meio da unificação de vontades, intenções e corações – transcendeu os limites geográficos de tal nação. É incrível que em todo o planeta Terra geraram-se tantos movimentos populares simpatizando e apoiando a mudança que, no fim, ocorreu. Pensaram nisso? Revisem quantas pessoas em todo o mundo – ainda que não sejam da mesma nacionalidade daquele país e sem se beneficiar diretamente – apoiaram a mudança. Que paradigma! Percebem o que ocorreu? O mundo inteiro se posicionou de acordo e alcançou a massa crítica necessária para gerar uma mudança!

Falando interdimensionalmente, a quem poderia importar se a pessoa que nesse momento tem em suas mãos o destino de uma das nações mais importantes do seu mundo… se ele se chama de tal ou qual maneira, se é de esta ou daquela raça, se professa essa ou aquela religião? É completamente irrelevante. Aqui, o que nos interessa destacar é que essa mudança ocorreu porque os corações da humanidade se unirão e ressoarão juntos.

Humano, agora eu pergunto: deseja uma mudança na sua vida, na sua cidade, no seu país ou no seu mundo? Deseja saber o que é necessário fazer para que isso aconteça? Pois deverá ressoar em união, em associação, em cooperação, com total emoção, aceitando e também perdoando… aberto totalmente para a possibilidade de se entregar a quem possa precisar de você… antes que precise que outro faça isso por você.

Acabo de citar isso, meus queridos, porque é o exemplo mais recente e mais patente daquilo que chamaríamos unificação global. Isso é “massa crítica em ação” e está ocorrendo agora no seu mundo, onde ocorrem mudanças, ainda que tenha gente que diga: “Não, o mundo continua igual, o mundo não mudou”.

Claro que o seu mundo está mudando, meus queridos,… e vocês são os precursores dessa mudança. Vocês, com as suas novas atitudes, sonhos, desejos e anseios de que essa seja uma Nova Terra… estão tendo a prova de que o destino – “o seu Destino” – está (tal como sempre dissemos) nas suas mãos. As profecias apocalípticas e “os tempos finais” já não estão mais vigentes. O único “tempo final” que ocorre nesse momento, meus queridos, é a última letra verbalizada que sai da última palavra que acabo de pronunciar… porque quando pronuncio a seguinte… já isso concluiu. Não há “tempo final”. Tudo o que ocorre na sua vida é dinâmico, rápido e mutante, mas são sempre vocês que ativam e concretizam a mudança, meus queridos. Como realizam isso? Alinhando os seus corações com o coração da Mãe Terra – daquela que vocês chamam Mãe Gaia.

No Centro Energético da Terra Bate um Grande Coração

A freqüência que os seus cientistas dizem escutar que provém do centro da Terra é realmente a batida do coração da Mãe Terra, um organismo vivo que se alimenta da batida e da respiração de todos os seres vivos, de cada um de vocês. Quando os seus corações batem um uníssono, o coração da Mãe Terra baterá em uníssono… em total regozijo e felicidade pelo fato de que cada um dos seus filhos está vivo. Como acreditam que Gaia compartilha a sua felicidade? O que a Mãe Terra faz com vocês, meus queridos? Pois… dar, dar e dar sem cessar! E o que vocês fazem unicamente é extrair dela… O que vocês dão em troca à Mãe Terra? Recordem o que dissemos anteriormente: o dar e o receber fazem parte de um caminho de duas vias. Portanto – como dissemos antes – que tal se ao invés de pedir ou suplicar à Mãe Terra que nos dê isso ou aquilo, por que não damos “nós”? Todos em uníssono, NÓS… porque, quando falamos de “nós”, estamos falando da Família Espiritual que é composta por anjos fingindo ser humanos e anjos sentindo saudades dos humanos que agora estão em experiência.

Vocês e nós – a grande Família Espiritual – batemos em uníssono… e tal batida ressoa na batida dos corações da humanidade… e os corações da humanidade ressoam no coração da Mãe Terra. É todo um sistema!

A conexão do amor através do coração é um verdadeiro sistema que produz cadeias de eventos e circunstâncias que vocês deveriam procurar manter em sincrônico funcionamento e sem interrupções. Sabem por que, meus queridos? Quando vocês sofrem de amor, qual é a primeira coisa que lhes ocorre? Ficam deprimidos, perdem a vontade de viver, somatizam e adoecem. Por que acreditam que isso ocorre? Porque o amor pára de fluir. Aquela energia constante e intensa pára, é cortada e represada… e ao não poder circular com tanta soltura, essa “repressão” se aloja em alguma parte do seu corpo físico, exercendo certa “pressão” que só se manifesta sob o aspecto de uma determinada doença.

Um Banho de Amor

Queridos, aqui nessa sala há muitos mestres e xamãs que sabem que todas as doenças físicas são o resultado de bloqueios energéticos, assim como sabem que o órgão principal que produz o maior dos bloqueios energéticos é o coração. Portanto, que mais acrescentar ao que já dissemos até agora?

Aqui nessa sala, meus queridos – além dos seus corações batendo – há um verdadeiro contingente de almas que, neste momento, estão massageando o coração de cada humano presente para que palpite mais rápido e se expanda, a fim de que os bloqueios energéticos que vocês trouxeram nesta noite… comecem a se dissolver. Já estão sentindo esse efeito? Começaram a sentir quando escutaram a maravilhosa visualização que antecedeu essa mensagem? Sentiram-se mais leves? Sentiram que já estavam se perdoando, sendo perdoados e aceitando que é hora de abrir e soltar?

Pois esse verdadeiro contingente de almas está aqui, agora, entre nós, para lhes ajudar. Elas são a SUA FAMÍLIA! É o grupo de almas que faz parte de toda a sua experiência. Alguns poderão senti-las, outros já conseguiram percebê-las e sentiram o chamado do seu coração. Quantas lágrimas caíram? Sentiram o seu coração – como vocês dizem – “pequenino”?

É assim que sentiam, mas isso vai mudar porque a energia da Família Espiritual está muito presente nesta noite… mas não porque nunca esteve presente! Agora está substancial e exponencialmente presente porque era necessário que vocês viessem para receber um verdadeiro “banho de amor” de todos aqueles de nós que lhes amamos incomensuravelmente.

Nós sempre dissemos que o reconhecemos e o honramos por causa do seu grande valor e total disposição por ter deixado para trás a gracilidade e volatilidade do anjo… para estar aqui, nesta experiência humana, trabalhosa, dual, singular, extraordinária… e muito honrada. Nós respeitamos, amamos e honramos você e por isso fazemos qualquer coisa que seja necessária por você… como vir até aqui, ocupar o nosso porta-voz, rodeá-lo de anjos e pedir que, por favor, deixe nós ficarmos aqui, agora, com você.

Agora é agora. Agora é sempre porque sempre é agora. Nós sempre estamos com vocês. Nunca… nunca estão sozinhos!

São incomensuravelmente amados, são absolutamente abençoados. E ainda que por um breve instante já não nos comuniquemos verbalmente, saibam vocês que, na interdimensionalidade, não há despedidas. Por meio de palavras é difícil se despedir, mas a intenção permanece aqui.

Vocês estão rodeados da melhor das intenções e é por isso que viemos para lhes dar todo o amor que vocês merecem. Vão em paz.

E assim é.

Kryon
Canalizado por Mario Liani
Tradução do Espanhol para o Português: Ana Cristina Moraes Warpechowski
awarp@terra.com.brhttp://vidyarambha.blogspot.com/
FONTE:
http://www.38uh.com/html/poderdar_port.html
Anúncios

3 Respostas to “O Poder de Dar que Vem da Essência do Seu Coração”

  1. José Luiz said

    Cada mensagem linda!
    Obrigado Kryon
    Muito amor e Paz a todos irmãos.

    Gostar

  2. Eduardo Rodrigues said

    Obrigado kryon!
    Estou feliz por ter encontrado esta mensagem.
    Desejo partilhar dessa emissão de luz para todo planeta.
    Que nossos corações nos guiem.
    obrigado!

    Gostar

  3. […] Via: O Poder de Dar que Vem da Essência do Seu Coração « kryon blog * Aprender com a Nova Energia […]

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: