kryon blog * Aprender com a Nova Energia

Querido Ser Humano,… tu és a Esperança do Planeta Terra!

Archive for the ‘Canalizações de kryon’ Category

Personagens estranhas no nosso quotidiano – porquê?

Posted by oliveiros.kr em 5, Dezembro, 2016

Brutalidade e rudeza é algo que parece anormal???

Digamos que um indivíduo se aproxime de vós com muita raiva. É rude e indelicado. Tudo que sai de sua boca é detestável e grosseiro.
Quando vocês saem dessa experiência, ficam pensando: “O que há de errado com este(a) fulano(a)?!”
Quero dizer-te o seguinte: não há nada de errado com ele.
Ele simplesmente está investindo na sobrevivência.
Indelicadeza e grosseria vão chamar a atenção e fazer com que esse indivíduo seja notado.
Essas pessoas carregam uma energia que, embora talvez não te agrade, impõe atenção e até mesmo autoridade, através do medo. Repito, tu podes não gostar, mas é disto que uma pessoa como essa sobrevive, e muitas são assim.
Numa energia antiga, isto funcionava bem para elas, e essas pessoas não conseguem ver nada que possa substituir esse tipo de comportamento.
Para elas, isso é garantia de sobrevivência num mundo onde todos querem o que elas possuem.
De fato, muitas culturas de hoje – ainda hoje! – continuam investindo comportamentos rudes, porque dizem que compaixão e bondade é sinal de fraqueza.
Pensam: “Não vamos conquistar ninguém com bondade e compaixão. Isto é para os fracos deste mundo!”
Do ponto de vista dessas pessoas, elas não podem sair do círculo da sobrevivência, então até hoje abordam os outros com baixa energia, grosseria e indelicadeza. Elas não têm sequer ideia de que exista algo melhor.

Hoje em dia, quando tu observas isso, estás a  começar a sentir que é algo que ninguém quer. A maioria dos Seres Humanos está cansada desse tipo de abordagem e está procurando um modo muito mais elegante de ser.
Uma pessoa compassiva não é, de forma alguma, uma pessoa fraca.
A energia que envolve uma pessoa compassiva é convidativa, acolhedora. Enquanto a energia que envolve uma pessoa rude vos repele e vos empurra para fora.
Consegues perceber as diferenças de que estamos a  falar? Qual dessas duas energias preferias ter?

Eu apenas apresentei padrões. O que estou dizendo é o seguinte:
«A consciência Humana está começando a elevar-se acima do que era, porque a proporção entre luz e trevas do planeta se modificou, e a luz está começando a vencer. Isto significa que compaixão, integridade e bondade irradiam uma luz tão intensa, que as pessoas as verão muito mais fácil e rapidamente do que a indelicadeza e a força. Rudeza e descortesia vão acabar sendo vistas como comportamento disfuncional e ireis afastar-vos delas. Isso diz muito a respeito da energia da pessoa, do ponto onde ela se encontra e o que ela pensa. Para muitos, esse é o velho modo de sobreviver. Mas o novo tipo de sobrevivência será uma consciência elevada e leve, e muitos vão começar a vê-la.

~KRYON, “PADRÕES QUÂNTICOS” –  Mensagem dada ao vivo por Lee Carroll, em San Antonio, Texas, EUA, no dia 23 de janeiro de 2016

Tradução livre deste excerto por Oliveiros Costa para Mensagens de Kryon
Fonte do texto em inglês: http://www.kryon.com/CHAN2016/k_channel16_sanantonio-16.html

_______________________________________________
Tradução texto integral para português do Brasil:
http://www.luzdegaia.org/kryon/lcarroll/padroes_quanticos.htm
Tradução audio integral, (por Gustavo Amorim) :

Picar no play para escutar

#novoshumanos.

Posted in Canalizações de kryon, kryon wordpress | Com as etiquetas : , , , , , | Leave a Comment »

Presença do “EU SOU!”

Posted by oliveiros.kr em 2, Dezembro, 2016

«Saudações meus queridos,
Eu sou Kryon do Serviço Magnético.
Esperamos apenas um momento.
Quero que vos reajusteis a vós mesmos e ao vosso pensamento, num tempo como este, dando permissão para coisas multi-dimensionais
apenas por uns instantes.
As mensagens, no final do dia, como esta aqui, depois as lições dadas é uma canalização diferente, não é tanto como uma mensagem com ensinamentos mas antes uma mensagem de família.
Começamos por resumir algumas das coisas que deveriam ser auto-evidentes mas que não são.
Eu falo desde a Fonte Criativa Central e digo-te que tudo está no horário, mas parte do cronograma que está a decorrer vai exigir que te tornes mais unificado. Não unificado na crença, mas unificado no amor.
E podeis todos saber o que é, mas talvez tu não…

A história tem sido contada sobre um grupo de velhas almas orando ou meditando por uma criança em apuros e vocês ouviram essa história.
Vocês também ouviram que a criança foi curada completamente, clara e perfeita.
E eu te direi apenas:
“Isso é tudo o que a família é!”
Não são apenas os adultos que querem tanto estar envolvidos no futuro duma criança…
Isto é acerca de velhas almas que olham uma para a outra, em algum nível, havia uma velha alma sábia naquele pequeno bebê que apareceu no horário certo para misturar a maturidade e a sabedoria das velhas almas no grupo, independentemente da vossa idade.

As almas são antigas e quando elas se reconhecem umas às outras em amor, a magia acontece.
Acontece magia e eu pergunto-te aqui mesmo,hoje, nesta sala:

Já consideraste aquilo que podeis fazer uns pelos outros?
Agora mesmo?
Sem saber o que é que está errado, ou o que é que está certo?
Sem saber as questões nem os problemas?
Poderias simplesmente cercar esta sala com uma bolha que pertence a ti e que vem do Criador?
Se fizeres isso agora, e se o fizerem todos juntos, e se fizerem isso em amor, haverá alguns que sairão daqui curados.

Esta é a nova energia.

EU SOU!

Eu quero falar duma frase que eu já defini antes, mas eu vou fazer isso de novo.
Podes não ter ouvido isso desta maneira.
A frase é ” EU SOU!”

No teu idioma o “SOU” quer ser seguido por um substantivo
E o “SOU” é um verbo e tu podes dizer:
EU SOU PODEROSA(O).
Tu podes dizer:
EU SOU BONITA(O).

E o “SOU” implora pela palavra seguinte no teu idioma…

Agora, eu quero que tu te tornes multidimensional e esqueças o Idioma.

Já alguma vês ouviram falar do grande “EU SOU”?

Essa é uma antiga descrição de Deus!

O “EU SOU”, juntos, é o Criador!

E quando tu dizes “EU SOU!”, tu estás dizendo que és o criador!
Isso é o “EU SOU!”

Não é “EU SOU ALGO!”.
É uma declaração de facto!
É uma afirmação de amor!

E eu quero que tu penses nisto, por um momento.
Todos vós em conjunto.
Quero que penses: “EU SOU!”
Quero que coloques uma bolha nesta audiência, rodeando-a.
Quero que tragas o “EU SOU” de quem tu és, e o Criador, para este lugar, agora!
Porque isso vai afectar aqueles que vieram, até mesmo mais do que eles mesmos foram afectados.
Eles realmente vão sair diferentes de quando cá chegaram.

Pode muito bem dar inicio uma cura biológica que precisa ser alcançada e eles não te disseram e eles não falaram disso, mesmo nos vossos momentos juntos, em que interagiram, eles mantiveram isso em segredo. Porque eu sei quem está aqui!

Então e que tal?
Podes fazer isso?
Farias isso? Farás isso?
Podemos fazer isso, agora, juntos?
Podes pensar, apenas nesta sala, que há uma enorme energia que és tu?
Ela vai muito além do teu Merkaba.
Ela enche a sala. Apenas vós. Mas todos juntos.
Nenhum está autorizado a dizer que não é merecedor, ninguém, porque tu és.
É assim que Deus te vê como digno!

Como podes então, ver a ti mesmo como qualquer coisa menor que isso, quando a própria fonte criativa, definiu você como digno!
Sê digno!
E eu quero apenas que tu abraces a humanidade aqui na sala.
E só tens que fazê-lo por alguns segundos.
Todos juntos.
Agora mesmo!
A família cura a família!
Sempre tem sido desta maneira, apenas está a começar a ser melhorada!

Chegará o momento em que vós fareis uma reunião de cura e tudo o que fazem é ficar juntos, sentados em silêncio e amor.
E a quimica à tua volta mudará e as células irão escutar aqui e serão reforçadas ou melhoradas.
Doenças desaparecerão através da pureza do amor de uma alma antiga que diz:
“EU SOU!”

(13 segundos de silencio)
Que se saiba que uma cura se realizou aqui, não, para ouvir, tu não esperavas isso e o relatório virá.
Foi para isto que vieram.
Tu podes pensar que foi pela aprendizagem.
Foi para isto que vieram: para te sentares em silêncio, por alguns segundos e fazer isto, porque tu és merecedor.
Quando te levantares e saíres, eu quero que continues a ser merecedor.
Quando fores para casa, eu quero que continues a ser merecedor, e esse é o lema do dia de hoje, de amanhã e do dia a seguir.
Porque isto é o catalisador que fará as afirmações funcionarem para o resto da tua vida.
Tão depressa quanto saibas que és digno a tua vida realmente começa.

Vai deste lugar diferente de quando cá chegaste.
E assim é.»

 

~Kryon, através de Lee Carroll -“Mensagem principal” – Wilmington, North Carolina, EUA, 20 de novembro, 2016
Tradução livre de Oliveiros Costa para Mensagens de Kryon
_______________________________________________

Fonte do audio original em inglês:

Use o botão play para escutar

#novoshumanos

Posted in Canalizações de kryon | Com as etiquetas : , , , , , , , , , , | 1 Comment »

Padrões da baixa consciência

Posted by oliveiros.kr em 8, Novembro, 2016

Falemos primeiro sobre o que é a consciência mais baixa, mas muito poderosa.
Entendam que a consciência inferior possui um poder incrível do mesmo modo que a consciência elevada.
No entanto, baixo ou alto (inferior ou superior) não são medições do seu poder efetivo,  mas sim apenas medições da vibração.
Não confundir isso com frequência, pois a tecnologia disto não é tão linear.
O que é visto nos padrões é a vibração do pensamento, e onde ele pode ir ou onde ele não pode ir, ou quão limitado ou expansivo ele é.
O Poder, ou a força, são bastante profundos.
Você já sabe disso.
O poder do ódio cria maldade e medo e é muito forte.
O poder do medo pode escravizar nações se elas não forem cuidadosas.
Tu já conheces este poder do passado, por experiência.
Então, vamos falar sobre o padrão específico que isso vai criar num instrumento que está para chegar(no futuro), medindo-o num indivíduo que tenha esse atributo.

A consciência mais baixa vai criar padrões extremamente básicos e simples.
Esses padrões vão criar ou emanar um círculo forte – uma confluência de energias que se vão juntar para fazer uma barreira contra outras vibrações mais elevadas.
Será parecido a um círculo ao redor do indivíduo ou da energia da consciência que o indivíduo está criando. O círculo é como uma prisão padronizada, ou um fractal básico que não se repete. Ele mantem-se dentro dele mesmo, e o padrão não estará ciente de nada que esteja fora do seu próprio círculo.
A força vem do fato de ser tão poderoso que os outros podem ser influenciados por ele e podendo, facilmente unir-se, para formarem um círculo mais forte.
Este círculo se tornará então maior e mais largo na capacidade aprisionar a consciência ao seu redor, gerando um círculo ainda maior, mas continuando a ser apenas um círculo único.

Agora, tu pensas que talvez eu esteja falando numa linguagem que tu não entendes?
Talvez, mas aqui está o ponto:  É simples.
É um recipiente que é um círculo e não pode ver nada fora dele mesmo.
Só se vê a si mesmo, e só sabe acerca do seu próprio mal.
Faz julgamentos e decisões baseados apenas no que sabe dentro de si próprio.
É a consciência inferior.


A sua agenda é ela própria, e não consegue ver mais nada. E o círculo pode escravizar aqueles que estão pensando de maneira idêntica. Pode tornar-se num círculo maior, mas nunca pode sair dele mesmo. Não pode ver além daquilo que sabe.
Não existe nenhum padrão fora do círculo que pertença ao círculo. Ele é limitador e restritivo .
Será profundamente óbvio:  Simples, de baixa vibração e sobrevivência básica.

 

~KRYON, “PADRÕES QUÂNTICOS” –  Mensagem dada ao vivo por Lee Carroll, em San Antonio, Texas, EUA, no dia 23 de janeiro de 2016

#novoshumanos,
Tradução livre deste excerto por Oliveiros Costa para Mensagens de Kryon
Fonte do texto em inglês: http://www.kryon.com/CHAN2016/k_channel16_sanantonio-16.html

_______________________________________________
Tradução texto integral para português do Brasil:
http://www.luzdegaia.org/kryon/lcarroll/padroes_quanticos.htm
Tradução audio integral, (por Gustavo Amorim) :

Picar no play para escutar

Posted in Canalizações de kryon | Com as etiquetas : , , , , , | Leave a Comment »