kryon blog * Aprender com a Nova Energia

Querido Ser Humano,… tu és a Esperança do Planeta Terra!

Kryon perante a irmandade feminina – MERKABAH

Posted by oliveiros.kr em 16, Fevereiro, 2018

MerkabahSaudações, queridas Star Sisters (Irmãs das Estrelas)! Eu sou Kryon, do Serviço Magnético!

Meu parceiro se afasta. A questão é, frequentemente, a mesma… O grupo de mulheres diante de mim tem se reunido por muitas razões, mas há sempre uma sobre a qual vocês não têm certeza: “Eu fui lemuriana? Eu fui parte disso em qualquer outro lugar em qualquer outro tempo?”. Mas os números continuam a crescer, há algo aqui que está além do imaginar… Há algumas que têm certeza e sentem algo que não podem identificar.

Nós falamos sobre a Lemúria muitas vezes, e falamos sobre alguns fatos que não mudam. A Lemúria esteve lá por um longo tempo. Também dissemos que não havia reencarnação na Lemúria, é quase que como se fosse um ponto de lançamento do akashico. Muitas, senão todas, podem ter estado lá, mas não juntas. Muito poucas de vocês poderiam ter estado lá juntas. Então, vocês não se estão reconhecendo umas às outras, de forma alguma. Se você tem essa habilidade de reconhecer, isso que seria, talvez, parcialmente multidimensional, que você chamaria de mediunidade, por que você estaria aqui então?

Algumas diriam: “Bem, eu estou aqui pela camaradagem, gosto de me reunir com meu próprio género, há algo tão doce sobre estar junto a outras como eu. E quando mulheres se reúnem assim, eu quero ser parte disso”. Há um pouco disso, mas, minhas queridas, há algo mais. A própria palavra Lemúria não mudou muito. Mesmo eles não falando inglês na Lemúria, ainda assim, a própria palavra da montanha ela mesma e o pequeno continente que existia soava muito parecido com Lemúria. Nos mapas antigos é chamada de Mu, assim como em LeMUria.

Então, há uma combinação entre os nomes e os sons. Algumas de vocês reconhecem isso, algumas de vocês se identificam com isso. Haverá algumas de vocês que tiveram arrepios quando ouviram isso. Eu quero lhes dizer um pouquinho sobre o sistema que existe, que está lá, que está começando a se envolver. O sistema que quero falar a respeito é a forma com que você, absolutamente, irá saber quem você foi e onde você esteve. Isso é possível?

Eu agora volto a olhar para algo que aconteceu com meu parceiro, pois ele pode, então, descrever isso e como ele esteve lá e esse algo específico que estou prestes a lhes contar ressoa com a verdade. Quando ele esteve em certas partes da Índia, ele foi envolvido por algo que foi contado a ele, no nível mais elevado. Dharamsala é onde o chefe, por assim dizer, de todos os monges vive, vocês o chamam de Dalai Lama. Sob sua tutela, há um sistema de alta hierarquia que é a posição dos monges, quem são eles, porque estão lá e quão importantes são. Então, em uma organização tradicional, você diria que, normalmente, eles iriam estudar, seriam nomeados, os mais velhos seriam elevados, é o sistema… mas não é assim que funciona, de modo algum, não chega sequer perto disso. Ao invés disso, há algo mais. Prepare-se para isso em caso você ainda não saiba.

Em uma idade muito nova algumas crianças são percebidas como diferentes. Elas são enviadas aos mosteiros para serem examinadas e durante o exame há um monge tipo xamânico, juntamente com outros, que vêm e lêem seu akashico. Aqui em sua terra, vocês chamam isso de leitores de vidas passadas, eles não são. Eles são examinadores de vidas passadas! E aquilo que estão buscando são por aqueles que passaram por processos de iluminação suficientes, que agora poderão ser os líderes dos budistas que virão a Dharamsala. Há muito poucos entre eles que são examinados e selecionados. Mas, se forem selecionados, são retirados de suas famílias na idade de 8 anos e permanecerão no mosteiro, iniciando seu treinamento.

Quando chegam à adolescência, ao redor de seus 20 anos, são enviados ao exterior e aprendem muitas línguas. E nisso, você começa a perceber que eles estavam corretos, porque esses que ascendem às importantes posições no budismo, é quase como se eles vivem para isso, são criados para isso! Raramente há qualquer erro, altamente inteligentes, esotéricos, belos homens!

Então voltando a isso, o examinador do akáshico, para o que ele está olhando? Existe um sistema? Ele faz tudo isso através de seu intelecto ou pela intuição? Para o que ele está olhando? E agora apresento-lhes isso: cada ser humano tem um campo, ele foi identificado, por mais diferente que seja, por uma palavra judia: Merkabah! Esse é o campo no qual você cavalga. A palavra em hebreu significa cavalgar, caminhar. Você cavalga nesse campo, e é um grande campo, repleto de informações. E não será até que alguém possa desenvolver um instrumento multidimensional que você irá até mesmo começar a vê-lo, mas há certos humanos que podem. E se eles olhassem para o seu? E se o examinador olhasse para o seu?

Então aqui eu direi a você que seu akashico está no campo, está no merkabah. E se você foi lemuriana, isso significa que você foi uma das primeiras no planeta, uma das originais e isso irá se mostrar tão claramente! Qualquer um que possa ler o Merkabah verá isso primeiro, primeiro. Vocês são aquelas que conheceram e estiveram com aqueles que vieram das estrelas. Não há muitos seres humanos que têm isso. E isso está selado no Merkabah. Próxima pergunta: nesta nova energia, você acha que é possível perceber isso no Merkabah? E a resposta é: Sim!

Algumas de vocês estão percebendo, intuindo, não apenas que você é lemuriana, mas que outras ao seu redor estiveram lá também. O que isso significa se for realmente o caso? Em primeiro lugar, é uma validação! Não é apenas esotérico! Você carrega isso com você, pode ser visto! Os examinadores naquela terra saberiam, eles poderiam não saber tudo sobre isso, mas, Oh, eles perceberiam! Aliás, é isso que eles procuram em um Mestre Ascenso, um Buda, enquanto eles crescem e se tornam parte daquilo que será, como eles chamam, os Mestres Ascencionados – monges que são enviados a um local em que poderão até estar em filas algum dia por algo ainda maior. Eles veriam você e saberiam. Eu vejo você, e eu sei!!!

Parabéns, minhas queridas! Vocês se saíram bem em saber! Sentadas diante de mim, de fato, estão muitas lemurianas! Elas estão espalhadas por todo o mundo, você sabia? A Lemúria existiu por um longo tempo. Há tantas almas que nasceram lá, conheceram as professoras das estrelas e seguiram adiante. Mas aquelas que são selecionadas, é claro, são as mulheres, as professoras eram as mulheres e o que elas faziam era ensinar mulheres. Há uma história por trás disso que já demos muitas vezes, por diversas vezes. Mas bem agora, antes de partirmos, o que é que significa para você se você foi lemuriana alguma vez? Os ensinamentos originais, a beleza de conhecer as professoras das estrelas elas mesmas, iriam vir para você e você saberia! Deixe-me lhes dizer que é mais que um sinal no seu Merkabah, pois no seu akashico ainda está o ensinamento!

Eu quero fechar essa canalização com uma nota. O sistema de géneros vem e vai… todas as mulheres já foram homens, todos os homens já foram mulheres. Nós já lhes dissemos isso antes, que nesta nova energia não é um erro ou engano que a maioria das mulheres que iniciaram na Lemúria e estão vivas agora são mulheres novamente, de modo que você começaria a reconhecer sua linhagem e tomar o poder da sabedoria. Mas, ainda há alguns homens neste planeta que eram parte da Irmandade quando seu género era diferente. Há alguns poucos deles e eles se destacam. Eles se destacam pela magnificência das mensagens. Na Índia, meu parceiro conheceu um deles e segurou sua mão. Ele sabia: “Estou de mãos dadas com uma Irmã Lemuriana!”. (rsrsrs) e este era o Dalai Lama!

É preciso algo assim para realmente fazer sentido nisso, para compreender que o xamanismo pertence ao sexo gentil, que os melhores ensinamentos de qualquer humano deve vir da mãe. É com isso que o humano está acostumado, com a gentil, compassiva e benevolente voz da mãe, é com isso que você cresceu independente do género. É tão natural o fato de serem essas que irão entregar as informações das estrelas, definir os padrões da compaixão, isso pertence a você.

Essa é a mensagem. É para isso que você está aqui! A praticidade disso é compreender isso e reviver aquilo que você foi ensinada. E entender que aquilo que você carrega é um manto de responsabilidade pela compaixão com o planeta, não apenas suas crianças, compaixão com o planeta, com aqueles ao seu redor, porque você sabe como fazer isso! Você nasceu com isso, mãe… aquelas sem crianças experienciaram isso com suas mães, especialmente nos anos originais.

Nascidas para entender a  ação compassiva e a benevolência. Isso é o que vocês são! Há muitas de vocês! Enquanto isso cresce e o sistema cresce, vocês irão se encontrar e, ainda assim, vocês não terão a situação em que muitas de vocês estiveram juntas em uma mesma geração, porque a Lemúria durou milhares de anos. Vocês vieram e partiram, vieram e partiram, e o que vocês têm em comum é que estiveram lá. O ponto de lançamento do seu akashico começou lá. As Irmãs das Estrelas que lhes ensinaram permaneceram lá, não morreram. Essa simples parte.. nisso que é um sistema, uma biologia que você ainda não tem. Algumas delas ainda estão aqui!

É muito para se pensar. Reacendendo a compaixão que você aprendeu em uma forma prática para a vida! É para isso que a Irmandade existe!

E assim é.

~KRYON
Perante a Irmandade Lemuriana – Merkabah
Mensagem dada por Lee Carroll em Philadelphia, PA., 18 de novembro de 2017

 

Fonte da msg em áudio original por Lee Carroll: www.amberwolfphd.com
Transcrição e Tradução: Isabela Teodoro de Assis <isabelateodoro@hotmail.com>
https://www.facebook.com/espacotempodereencontros

Anúncios

Posted in Canalizações de kryon, kryon wordpress | Com as etiquetas : | Leave a Comment »

Quem és tu – 2018

Posted by oliveiros.kr em 6, Fevereiro, 2018

Para ajudar o leitor, esta mensagem foi revista [por Lee e Kryon] e complementada, para permitir um entendimento mais claro. Inclusive algumas informações foram incluídas ou condensadas. Geralmente as canalizações ao vivo têm uma energia implícita que carrega um tipo de comunicação que o texto escrito não traz. Então, aproveite esta mensagem aprimorada, transmitida em Longmont no dia 14 de janeiro de 2018.

Saudações, queridos, eu sou Kryon do Serviço Magnético. Mais uma vez, meu parceiro coloca-se de lado e o que se segue é informação nova. A mensagem será combinada com informações que lhes tenho transmitido por mais de duas décadas, mas agora há um completamento da próxima fase de conhecimento.

O ano de 2018, na numerologia tibetana, é um número mestre. Soma onze, sendo que o significado deste número é “iluminação”. Então, é como um convite para possibilitar que este seja um ano em que a luz se acenda em muitas mentes, a respeito do que está verdadeiramente ocorrendo com este planeta. Hoje, ofereço-lhes informações muito esotéricas, mas profundas, que falam sobre vocês e quem vocês são. Refiro-me a um novo paradigma de Ser Humano.

A matéria estudada neste fim de semana foi científica e esotérica. Aqueles que estavam neste auditório receberam algo que a maioria não recebeu – uma combinação de energias. É uma combinação da ciência com o que vocês chamam de “espiritualidade”, que então embaralha todo este estudo de tal modo, que alguns têm que perguntar, “Qual é realmente a diferença entre elas?” Por isto direi mais uma vez: Se acreditam que Deus ou uma fonte criativa criou este planeta, então essa fonte criativa logicamente deve ser o físico mestre. Tudo que vocês estão vendo e estudando é a criação provinda de uma fonte externa e, portanto, a sua ciência é o estudo daquilo que essa fonte criativa fez.

Vocês precisam começar a entender que há mais do que simplesmente uma sobreposição entre ciência e espiritualidade. Na verdade, elas são o mesmo estudo. É um sinal dos tempos que, na sua realidade, até os seres humanos mais científicos estejam dizendo com frequência: “Nós vemos algum tipo de inteligência no Universo que tem afetado a todos nós. Não entendemos como funciona e não sabemos por que, mas ela tem que existir devido à lógica de tudo o que estamos realmente observando.” Esta afirmação se refere à ideia mais antiga de que a aleatoriedade e o acaso criaram tudo, o que hoje está sendo visto como impossível. Isto também confere uma nova urgência à pergunta: “Quem são vocês realmente?”

Quem eu sou, realmente

Mesmo os cientistas de mentalidade mais estreita acabarão tendo que chegar à conclusão de que as coisas não são como eles pensavam que fossem ou como lhes foi dito que eram. O próprio estudo da evolução humana será questionado. As ideias prevalecentes sobre como vocês chegaram aqui e quanto tempo isto levou estão erradas. Somente agora, depois de 2012, é que começarão a surgir indicações muito claras de outra história completamente diferente.

Apesar disto, seus livros didáticos continuam oferecendo-lhes uma mitologia da linhagem do desenvolvimento humano. Isto terá que mudar, e lhes direi por que, queridos. Porque senão, haverá uma rebelião entre os jovens que estão olhando ao redor e enxergando uma verdade diferente. Isto acabará forçando uma reescrita da história que atualmente é influenciada pelo pensamento antigo e por ideias antigas. Mas não é sobre isto que desejo falar.

A HISTÓRIA DA CRIAÇÃO REVISTA

Quero falar sobre o resto da História. O que se segue é completa e totalmente esotérico, com apenas citações ocasionais da ciência. Mas é lógico. Desejo contar-lhes uma história que já lhes contei antes, mas agora ela será aprimorada. É a história da criação(1). É uma das maiores histórias de amor que vocês poderiam ter no planeta, e fala de seres de outra parte da galáxia que têm uma evolução espiritual milhões de anos maior do que a de vocês – milhões! Como vocês imaginam que isto pode ser? Se a consciência está evoluindo nos seres humanos, e se já foi demonstrado que a consciência afeta coisas físicas, seria muito exagero imaginar que sua consciência seja capaz de vir a controlar um pouco da física?

Aqueles que “semearam vocês” podem controlar muitas partes da física com a consciência. Não é tecnologia, mas uma consciência amorosa espiritualmente evoluída. Eles vieram para este planeta e modificaram vocês. Nós os chamamos de “plantadores de sementes” e vocês os chamam de pleiadianos. Muitos até os chamam de anjos, porque, quando são vistos, eles parecem “do outro mundo” para vocês. Isto lhes soa ridículo? Deixem-me perguntar-lhes: vocês já tiveram mestres neste planeta que pareciam controlar a física e a realidade? A resposta é “sim, a maioria deles”. Pensem nisto. E se a maestria do seu eu-espiritual criar a capacidade de alterar sistemas que vocês ainda não descobriram? Vocês viram isto e o relataram nas suas antigas Escrituras!

O que esses plantadores de sementes fizeram foi mudar a consciência de vocês por meio do avanço biológico. Eles literalmente mudaram os padrões magnéticos que existem no interior do próprio DNA do ser humano moderno. Do ponto de vista espiritual, vocês receberam a capacidade de discernir Deus em seu interor, e perceber ou discernir o potencial de um criador benevolente. Vocês receberam a capacidade e libre arbítrio para saber a diferença entre escuridão e luz, certo e errado, e sentir o amor de Deus. Isto foi proposital, foi a intenção da fonte criativa, e não um acidente ou experimento. Vocês estão aqui de propósito, queridos. Este é um teste de energia para a sua civilização.

Mas isso não para aí, porque há um prazo envolvido. É um período de tempo que não discutimos completamente antes, mas que ainda se relaciona com a percepção das estrelas que vocês observam. As estrelas movem-se vagarosamente em um padrão muito consistente, que corresponde à lenta oscilação do seu planeta, enquanto circula ao redor do seu Sol. A oscilação do seu planeta, conforme vocês a mediram, é de 26.000 anos do começo ao fim. A duração deste teste de livre escolha da humanidade, entre a consciência de luz e de trevas, é de dois ciclos de oscilação de 26.000 anos. Ouçam bem! Muitos pensaram que fosse apenas um ciclo. No entanto, são dois.

OS SERES HUMANOS ESTÃO AQUI HÁ MUITO TEMPO

Para os que já estão perdidos nesta conversa, vamos fazer uma revisão das descobertas e conceitos dos antigos, que mostram que existe uma grande quantidade de história anterior à sua História. Vocês têm suas próprias ideias sobre quanto tempo estão aqui, e isto não vai muito além de 9.000 anos. Entretanto, há evidências de que existiram algumas civilizações anteriores à de vocês, que inclusive conheciam astronomia! Nós até lhes oferecemos uma canalização sobre esse assunto, enquanto estávamos na Turquia(2). As ideias predominantes dessa teoria consideram cinco civilizações na Terra – todas elas dentro de um ciclo de oscilação de 26.000 anos. Muitos acreditam que, ao entrar em 2012, vocês começaram o sexto ciclo [21-12-2012 foi o centro da ondulação]. Além disto, a “contagem longa” do Calendário Maia é quase exatamente um quinto do ciclo de 26.000 anos – indicando que era o calendário para a SUA civilização.

Entretanto, lhes dizemos agora que o tempo real de todo o teste humano de energia (luz e trevas) foi de dois ciclos – 52.000 anos – e não um de 26.000. Isto significa que seres humanos como vocês, pensando como vocês, e evoluídos exatamente como vocês, estão aqui há 52.000 anos. Então… vocês pensam realmente que os seres humanos tiveram uma história há mais de 50.000 anos? O que lhes é ensinado na escola? Preparem-se para uma revelação.

Que coincidência! [Kryon fazendo graça] A civilização mais antiga, confirmada por cálculos que vocês fizeram baseados em análise de DNA e evidências arqueológicas, tem, de fato, cerca de 52.000 anos! É na Austrália. Aqui está a prova de que seres humanos como vocês estão realmente aqui há tanto tempo. Por que 52.000 anos? Porque, na verdade, houve aproximadamente 10 civilizações da humanidade, não cinco. Dizemos “aproximadamente”, porque elas se fundiram umas com as outras, mas, ainda assim, eram distintamente separadas. Então, se isto é verdade, o que vocês pensam dos ensinamentos que receberam na escola sobre a duração do desenvolvimento da civilização? Ficam com os livros ou com a nova evidência?

Estes primeiros cinco ciclos não tinham o número de seres humanos que caracterizariam o que hoje vocês consideram uma “civilização”, mas, queridos, esses grupos ainda destruíam uns aos outros, ou estavam em lugares que os destruíam. Em números menores, em tribos, isto era bem possível. Por menor que seja o grupo, é possível guerrear até que restem apenas uns poucos. Ainda se pode ter uma natureza humana sombria muitas e muitas vezes. Observem a sua própria História conhecida. Isto é exatamente o que vocês fizeram também.

Os ciclos climáticos também contribuíam para isto, pois quando vocês começarem a entender que de fato existem ciclos envolvidos na mudança climática atual, perceberão inclusive que eles também estão relacionados com a oscilação. Não é interessante que vocês estejam vivenciando uma mudança climática neste momento, e estejam começando um novo ciclo de oscilação?

Com o que o seu Akasha é realmente preenchido? Quantos anos vocês trabalharam neste quebra-cabeça, almas antigas? Acabei de lhes contar! Alguns de vocês vêm de 52.000 anos atrás. Quando começarem a observar a linha de tempo da Lemúria que lhes apresentamos, isto começará a fazer sentido. [A história da Lemúria foi apresentada durante a conferência]. A Lemúria remonta a 50.000 anos. Nós lhes demos esta informação há mais de uma década.

Arqueólogos não vão encontrar muito sobre as cinco últimas civilizações [26.000 anos]. Na verdade, já é difícil encontrar coisas de mais de 14.000 anos [anterior à civilização do Vale do Indo]. A Natureza faz um bom serviço soterrando tudo o que os seres humanos fazem.

Dentro dessas primeiras civilizações menores, havia certas estruturas, mas não eram grandes. Algumas não tinham estrutura nenhuma e, como os indígenas da Austrália, mudavam-se com as Estações e os alimentos. Nunca permaneciam em um lugar por muito tempo, e a agricultura ainda não tinha se desenvolvido. Entretanto, mesmo sendo poucos, havia um número suficiente para discordar sobre quem deveria compartilhar os recursos. Isto lhes soa familiar? Havia indivíduos suficientes para terem medo uns dos outros, uma vez que encontravam outros que eles não conheciam, à medida que viajavam. Eles não conseguiam “se enxergar” bem, já que não compartilhavam muito além de seus próprios grupos. Havia indivíduos suficientes para entrar em guerra uns com outros. Havia o suficiente para ferir uns aos outros e deixar que infecções, doenças e pragas exterminassem os poucos que restassem.

A PROFUNDIDADE DA MUDANÇA DO DNA

Agora, a próxima revelação é algo que já discutimos antes, mas o Mestre da Torção precisa ouvir outra vez. Ele está aqui no auditório e seu nome lemuriano é Yaw’ee [isto se refere ao Dr. Todd Ovokaitys, pesquisador do DNA, que estava entre o público do auditório]

Sim, seu DNA humano mudou. Nós temos canalizado isto desde que meu parceiro me aceitou [Kryon] há 28 anos. Nós lhes dissemos que quando as sementes pleiadianas foram plantadas nesta linda Terra [as que lhes deram o conhecimento da luz e das trevas], isto foi feito através da alteração do DNA de vocês. Isto lhes deu, diretamente, uma parte do DNA que os próprios pleiadianos tinham em si. A coisa mais importante que eles lhes deram foi um par de cromossomos que esteve escondido por um longo tempo.

Vou falar sobre eles daqui a pouco. Mas este par de cromossomos possibilita uma memória específica de sabedoria–intuição, e uma capacidade de se retirar do que vocês chamam “natureza humana” atual. Isto lhes dá a capacidade de pensar muito além da guerra. Queridos, este sempre foi um teste de livre arbítrio, sem interferência de nenhuma fonte externa, para ver se vocês conseguiriam descobri-lo. E conseguiram.

Agora vocês se encontram num momento, no final da 10ª civilização e iniciando a 11ª, e perceberam isso. A energia está mudando na Terra para vocês! Vocês têm mais capacidade de avançar na luz agora do que jamais tiveram. Agora vocês têm a capacidade de se tornar multidimensionais. Estão prontos?

O PRÓXIMO PASSO – TORNAR-SE MULTIDIMENSIONALMENTE CONSCIENTE

Nos últimos anos, tenho canalizado sobre isto. Na verdade, este é o tema da última publicação de Kryon [“Kryon Book 14”]. Como seria, para um ser humano, sair da linearidade e tornar-se multidimensional? Como será? Isto afeta a sua consciência. A consciência da qual estamos falando é o pensamento e percepção evoluídos do ser humano multidimensional. É uma consciência mais elevada, que é empática, compassiva, carinhosa, amável, benevolente e mais sábia. É uma consciência, onde vocês se “lembram” do que faz as coisas funcionarem, e que jamais souberam em 10 civilizações! Do ponto de vista das estrelas, isto é um entendimento de que a guerra não funciona! A valorização da beleza da vida e o humanismo são a base. Isto cria uma potente diretiva primordial no interior de cada nova criança nascida neste planeta – Honre a vida! E, queridos, isto vem de algo que ocorreu no seu DNA.

Hoje vocês estudaram uma coisa notável, científica, bela e controversa. Estudaram em profundidade, o que aconteceu quando um par de cromossomos [rotulado de “número dois”] mudou subitamente há 200.000. De alguma forma, vocês perderam o par 24, e também de alguma forma, houve uma metamorfose de um outro par, e o par número dois obteve umas modificações espantosas. Vocês acabaram ficando com 23 pares, diferente de quaisquer mamíferos supostamente inferiores a vocês na cadeia evolutiva. De repente, surgiu um imenso “elo perdido” no que lhes contam atualmente sobre a evolução humana, e isto continuou sendo um enigma desde então.

O que realmente aconteceu foi que o seu DNA mudou radicalmente. Ele se modificou para refletir os pais plantadores de sementes – os pleiadianos.

Aqueles que são muito espiritualizados e seguem doutrinas rígidas [concebidas pelos seres humanos] e estão ouvindo [ou lendo] isto, devem estar revirando os olhos e dizendo: “Eu sabia! Esse canal da Nova Era diz que nós viemos de ETs!”

Queridos, não é isto que estou lhes dizendo. O que estou dizendo é que os chamados ETs, aqueles pleiadianos, conheciam Deus interior. Eles conheciam a fonte criativa muito melhor do que vocês, e conhecem tudo o que tem a ver com o outro lado do véu, porque o vivenciaram. É disto que trata a evolução da consciência. Ela os leva a um alinhamento com o que está oculto do outro lado do véu. Ela revela, finalmente, a conexão com o lado de fora – a fonte criativa. Deus interior tem sido a premissa da mensagem de Kryon há 28 anos. Será que, para vocês, é realmente um esforço tão grande imaginar que outros seres na galáxia conheciam o “Deus único” que vocês conhecem na Terra?

DNA – O 24º PAR DE CROMOSSOMOS FALTANTE

Voltando ao seu DNA… vocês observaram que possuem 23 pares de cromossomos e estão começando a estudar grandes e surpreendentes mudanças biológicas do passado – a fusão de uma parte do seu DNA e o aprimoramento ocorrido nesse processo. Vocês perderam algo. Isto é obscuro, mas há mais uma coisa.

A ciência revelou um potencial, alguns anos atrás. Experimentos mostraram que o seu DNA pode realmente ser um pouco multidimensional. O que eles relatam é que a presença do DNA em um campo quântico muda a rotação dos elétrons desse campo. Quando o DNA é removido, as mudanças que ocorreram devido a ele permanecem. Sigam a lógica. Se a presença do DNA muda a estrutura atômica em um campo multidimensional, ele poderia, então, ter um componente multidimensional(3).

Deixe-me apresentar-lhes algo que já afirmamos uma vez: Vocês ainda possuem 24 pares de cromossomos. Eles foram movidos, combinados, e o novo 24º par é multidimensional. Este par invisível (não tridimensional) esteve em desuso por 10 civilizações, e agora está começando a despertar devido à mudança. Ele inclusive está sendo afetado pela radiação que é nova no seu campo magnético, que está sendo lentamente criada por uma nova área no espaço que o seu sistema solar está começando a atravessar (4)

Entendem esta premissa? Vocês ainda possuem 24 pares, mas um deles não é visível, assim como a gravidade não é visível e nem o próprio campo magnético. Este 24º par muito especial é totalmente multidimensional e é por isto que o seu DNA realmente pode afetar a rotação de um elétron em um campo quântico.

Então, o que isto significa para vocês? Significa que vocês possuem a capacidade de sair do pensamento linear, sair daquilo que sempre os levou à guerra e à disfunção! Estão compreendendo isto? Vocês nunca foram suficientemente sábios para entender quem vocês eram. Isto está mudando agora.

Aqueles que percebem isto e começam a despertar para esta nova ideia são as almas antigas, que estão aqui há milhares de vidas, que vivenciaram o horror da guerra e têm esperado exatamente por isto; são aqueles que entendem que a confluência de sincronicidade não é acaso. É planejada. Eles estão aprendendo, inclusive, que a coerência de uma consciência humana mais positiva está começando a ocorrer no mundo todo. É a coerência de uma conexão com o outro lado do véu. É uma conexão que vocês não esperavam e que acabará afetando tudo que faz parte da sua realidade, da política às corporações. É uma coerência que causará problemas, uma vez que existem muitos que desejam manter a velha energia como estava.

Queridos, por mais estranho e espantoso que tudo isto lhes pareça, vocês o verão acontecer. À medida que este 24º par começar a se ativar, é possível que algum dia vocês até venham a conhecer aqueles que o colocaram lá. Mais uma vez eu pergunto: Será que, para sua mente, é simplesmente bizarro demais imaginar que, nesta vasta galáxia, haja outros com vocês, que são muito mais velhos e mais adiantados, e que descobriram a beleza de Deus? Pensem nisto.

Esta é uma história de amor. A Terra não é uma simulação, como alguns grandes pensadores a definiram, mas pode parecer que é, uma vez que o que aconteceu sobre ela é completamente artificial. Em outras palavras, a vida na Terra foi criada e se desenvolveu rapidamente demais para ser acidental. Isso foi intencional. O ser humano, que foi modificado aqui há 200.000 anos, foi planejado. Não houve nenhum acaso no desenvolvimento deste belo sistema projetado, no qual vocês vivem e é chamado Gaia. Vocês estão num profundo teste de escuridão e luz, como temos falado há tanto tempo.

Este é o final da canalização, mas é o início de algo extraordinário. À medida que estas informações que lhes transmiti começarem a se manifestar, a humanidade começará a perceber que tem total controle sobre o que acontece a seguir. Haverá uma nova esperança para este planeta, que se baseia em algumas coisas que a ciência está apenas começando a enxergar… ainda não as admitindo, mas começando a enxergá-las.

Vocês estão num momento em que novas informações podem circular por todo o planeta em segundos. Essas coisas novas e inesperadas, que estão sendo observadas através de novas descobertas, não mais poderão ser mantidas em segredo neste novo paradigma. Ouçam… independentemente de quais sejam os paradigmas ou protocolos antigos, não é possível que alguma coisa seja vista e apresentada para milhões que “curtem e compartilham”, para depois ser negada por um pequeno grupo de líderes ou educadores que vêm lhes dizer que aquilo não aconteceu. Entendem esta metáfora? Vocês não podem mais ocultar ou negar a luz. Há gente demais observando.

Esta é a frustração que está começando a envolver tantas áreas. Haverá um grande conflito entre o que vocês enxergam e o que lhes foi dito. Almas antigas, todos vocês que estão aqui ouvindo [ou lendo], esta é a livre escolha desta Era. Preparem-se para ela. O professor Gregg [o cientista Gregg Braden, que apresentou o seminário] realmente está certo – isto acabará definindo quem vocês são e o lugar de vocês no Universo, e especialmente sua galáxia.

Eu sei quem vocês são, queridos seres angélicos com Deus no interior. Sei quem vocês são. Está na hora de vocês o enxergarem também.

E assim é.

KRYON

~KRYON – QUEM ÉS TU.
Mensagem dada por Lee Carroll ao vivo em Longmont, Colorado, EUA, no dia 14 de janeiro de 2018
Fonte: http://www.kryon.com/CHAN2018/k_channel18_longmont.html
Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@gmail.com

_______________________________________________

(1) NT: Leia também “O TEMPO DA CRIAÇÃO” – Kryon por Lee Carroll, em
http://www.luzdegaia.org/kryon/lcarroll/tempo_criacao.htm e
“A ALMA HUMANA REVELADA”, Kryon por Lee Carroll, em
http://www.luzdegaia.org/kryon/lcarroll/alma.htm
(2) NT: Leia também “A História Desconhecida da Terra” – Kryon por Lee Carroll, em
http://www.luzdegaia.org/kryon/lcarroll/historia_da_terra.htm
(3) www.kryon.com/81-5
(4) kryon.com/79-1

______________________________________________

Editado por Oliveiros Costa para Mensagens de Kryon

Posted in Canalizações de kryon, Citações de Kryon | Com as etiquetas : , , , , , , , | Leave a Comment »

O Ensinamento

Posted by oliveiros.kr em 1, Fevereiro, 2018

O Ensinamento – Kryon através de Lee Carroll

Bradenton, Flórida, 21 de janeiro de 2018

Audio da mensagem de 21 de Janeiro de 2018:

Use o botão play para escutar Guardar audio em mp3 com botão direito do rato

O ensinamento

Saudações, queridos, eu sou Kryon do Serviço Magnético.

A sala está cheia com aqueles que conheço. Para aqueles que ouvem mais tarde, eu conheço-vos. Isso é porque todos vocês fazem parte da família maior. Uma família que está escondida de vós quando estão aqui no planeta. E eu quero falar sobre algo, um tópico que já abordamos antes, mas não necessariamente dessa maneira.

Aqui está uma energia muito nova para o planeta, e vocês estão em transição desde uma consciência do passado para aquilo que é uma promessa do futuro. Quantas vezes vos dissemos que mover-se, literalmente, de um lugar mais escuro para um lugar mais iluminado traz consigo alegria, antecipação e também a velha energia? Porque uma lanterna não se apaga e tudo simplesmente parece melhor. Em vez disso, vocês têm que resolver o enigma.

Temos dado muitas mensagens sobre o que acontece quando você vai de um lugar mais baixo para um mais elevado; alguns dos hábitos e preconceitos, algumas das coisas que nem sequer sabem que fizeram. No entanto, existe uma coisa que é comum à maioria. Algo que precisa ser limpo, não porque traz coisas antigas agarradas; Deve ser limpo por causa de quem vocês são. Quando ouvirem o que se trata, vcês saberão, porque já conversamos sobre isso antes.

Então, vamos começar desde o início. Coisas que deveriam saber sobre vós mesmos. Não está lá aquilo que vos disseram. As coisas que, espiritualmente, são tão verdadeiras e lindas que talvez se tenham esquecido delas. Coisas que hoje não se ensinam nos sistemas espirituais que você tem. Não desta maneira.

Quero voltar ao começo. E o começo, de acordo com o que eu vou ver e dizer, é quando o ensinamento começou.

Queridos, por todo o planeta vós tendes uma história da criação. Diferentes culturas têm várias histórias da criação. Aquela que nesta cultura podeis ter recebido ao crescer, a mais popular, é muito semelhante ao que ensinamos como semeadura do planeta. Então, leia (escute), novamente, por um momento, sobre essa coisa maravilhosa que aconteceu com os humanos, biologicamente, esotericamente, há 200 mil anos atrás.

Aconteceu uma mudança, uma transformação, muito importante. E se eliminamos toda a física e todos os aspectos físicos disso, o que realmente teve lugar foi uma bela mudança de implantação no ser humano de um discernimento entre luz e as trevas. O conhecimento, pela primeira vez, do Criador; livre arbítrio para vê-lo ou não; intuição; beleza, discernimento. Todas essas coisas eram novas. Houve um salto na evolução. Há duzentos mil anos atrás; por design e não por acaso. É a história da criação, está nas vossas escrituras sagradas. Talvez seja contada duma maneira diferente, mas é a mesma história. Vocês eram seres humanos, mamíferos como qualquer outro no planeta, e algo aconteceu. Uma força angélica desceu. E com a história da criação que você ouviu, do Adão e da Eva, e do Jardim do Éden, todas as metáforas do que vos temos contado, sobre como vocês receberam o bonito conhecimento da luz e das trevas, o discernimento e a escolha. Está por todo o planeta!

Então, agora vou colocar-vos no lugar do Criador, por um momento apenas. A questão da luz: o que vocês teriam feito? Digamos que vocês têm a mente de Deus, e digamos que vocês viram este milagre, que foi por design, e vocês estavam observando isso. O que teriam feito imediatamente a seguir, logo após a semeadura estar completa?
Para dar uma ideia de para onde eu vou, digamos que vocês tomam uma criança pequena e lhe dizem: “Eu te darei algo maravilhoso e lindo: eu vou colocar-te numa biblioteca que contém o conhecimento de todas as coisas, e então poderás escolher de entre todos esses livros”
E então vocês saem e, no caminho para a saída, dizem: “Oh, desculpa, nunca te ensinamos a ler. Milhares de livros, e podes tocar-lhes, mas não sabes o que eles contêm”. Então, não teria mais sentido uma história da criação acompanhada de ensinamentos? (Kryon ri ) E as escrituras não dizem nada sobre isso, nada. Então, tudo isso é dado aos seres humanos e então eles são deixados para que se arranjem sozinhos. O anjo não lhes ensina nada. Verdadeiramente. As escrituras dirão que os Mestres vieram, e havia muitos. E ao longo da história e através das culturas, havia muitos deles. Mas a Fonte que fez a semeadura, a energia angélica que tinha a força por trás da história da criação, simplesmente foi embora. E vocês ficaram sozinhos, e então, começaram a surgir as histórias que vocês ouvem.

Mas minha história é diferente; é mais lógico que, no decorrer  da semeadura tenha tenha começado o ensinnamento. Não se pode originar esse tipo de mudança, colocá-la sobre a humanidade, e depois sair. Em vez disso, nós dizemos que aqueles que lhes deram as sementes, que eram aqueles das estrelas que vocês chamam as Sete Irmãs (Pleiades) , ficaram e começaram a ensinar.

Agora, a semeadura real começou há muito tempo, muito, muito gradualmente, e muito teve que acontecer na biologia antes de chegar a um ponto em que todos estavam prontos e esse era o ponto de há 52 mil anos. Havia dois ciclos de ondulação da Terra envolvidos na civilização humana, até que estivessem no estado preciso para criar o que eles fizeram. Tudo o que levou a esse ponto há 52 mil anos atrás estava em preparação. E então chegou a Lemúria. E então surgiram outros lugares no planeta onde foram ensinados. Não somente a Lemúria, havia mais.

Lemúria foi especial porque estava isolada. Isso significa que poderia durar muito mais tempo, sem nenhum tipo de visitas, nos 30 mil anos que os lemurianos eram pleiadianos e tinham professoras pleiadianas. Então, aqui estamos, o ensinamento começou quando a semeadura estava completa. Vocês não vão encontrar isso nas escrituras; encontram uma história da criação, em que eles vão todos embora. Isso, em si, não faz sentido, queridos, não é lógico que Deus vos coloque num só lugar e vos dê esse belo conhecimento e depois não faça nada com isso, nada de ensinamentos e nenhuma instrução. É quase como se as trevas tivessem ido para a luz e depois os anjos desapareceram. Isso nem sequer é lógico, queridos. Não. Houve ensinamentos. E das primeiras coisas que foram ensinadas, a primeira -com a roda de ensinamento, com cinco rádios – foi: Quem és tu. Isso é o que os pleiadianos queriam que vocês soubessem: de onde vocês vieram, do que é que se tratava, como funcionava. Todo o ensinamento estava ali, o ensinamento do regresso ao centro, o ensinamento de que vocês têm Deus dentro de vós e as sementes daqueles que vos estavam ensinando.

Que os anjos desceram ao Jardim do Éden e a Adão e Eva, e fizeram o que vocês ouviram que fizeram, e terá realmente sentido que eles não tenham dito a ambos: “E agora vocês têm aquilo que nós temos”? “E agora vocês têm em vós o que é a Luz, e agora vocês têm em vós uma peça do Criador, que colocamos em vocês. Façam uso dela com sabedoria. Há aqui algumas sugestões”. Não houve nada disso, não lhes ensinaram nada disso.
A verdade é que nós ficamos e nós ensinamos. A Fonte Criadora, representada pelos pleiadianos, permaneceu aqui e ensinou. E nós ensinamos por um longo período de tempo. Não faz nenhum sentido dar-lhes a biblioteca sem vos ensinar a ler. E foi isso que fizemos.

 

~KRYON, O ENSINAMENTO, 21 de janeiro de 2018.
Trecho inicial traduzido por Oliveiros Costa  para Mensagens de Kryon

Assista,hoje, 1 de fevereiro de 2018, em direto à transmissão ao vivo da tradução online,  desta mensagem recente de Kryon, por Gustavo Amorim
Será às 20:00 h (horário de Brasília) 22 horas em Portugal
Convide seus amigos para mais estes ensinamentos sagrados de Kryon!
Aqui: https://www.facebook.com/gustavo.amorim.98096

Partilhe aqui nos comentários aquilo que sente e aquilo que pensa ao escutar ou ao ler as mensagens.

 

_

Posted in Canalizações de kryon, Citações de Kryon | Com as etiquetas : , , , , , | Leave a Comment »